Maratona de inclusão social do Futurecom tem início neste fim de semana

Challenge PcD Almaroma traz soluções para diminuir as barreiras e facilitar o acesso de pessoas com deficiência no mercado de trabalho

A 20ª edição do Futurecom – maior e mais importante evento de tecnologia e telecomunicações da América Latina –, que será realizado pela Informa Exhibitions, entre 15 e 18 de outubro, no São Paulo Expo, em São Paulo, também irá promover ações com o objetivo de inserir pessoas com deficiência (PcD) no mercado de trabalho. Com o suporte da Internet das Coisas (IOT), a sociedade tem a oportunidade de se tornar cada vez mais acessível e garantir a inclusão de PcDs a partir de atividades que permitam um trabalho com autonomia e qualidade de vida.
É com este propósito que esta edição do Futurecom iniciará neste fim de semana (29/09) o Challenge PcD Almaroma, juntamente com a Faculdade de Informática e Administração Paulista (FIAP), maratona criativa (Design Jump), projetada com a missão de encontrar soluções para diminuir as barreiras para a participação das pessoas com deficiência na sociedade, facilitando o acesso ao mercado de trabalho, por meio da capacitação e empreendedorismo. A partir do mote “Como podemos aumentar a participação das Pessoas com Deficiência no mercado de trabalho e na sociedade?”, a ideia é pensar melhores formas de aplicar novas tecnologias às Bicicletas-Café da Almaroma, criadas para promover a inclusão. O desafio poderá contemplar iniciativas para monitorar as atividades e os processos de venda e estoque, bem como analisar os dados de melhores pontos de venda durante suas jornadas de trabalho.
Interessados em apoiar as ações deste projeto podem se unir aos empreendedores que apostam nos bons resultados dessa iniciativa. Além da visibilidade internacional, os futuros patrocinadores poderão ter benefícios como logomarca em materiais de comunicação exclusivos do Challenge PcD, em camisetas, e em peças publicitárias para uso online; distribuição de brindes; participação com mentoria e na premiação.

Projeto Almaroma no Futurecom
O projeto foi criado há pouco mais de um ano e atua na contribuição para a formação de jovens, acima de 18 anos, com deficiências. O projeto também está alinhado com a agenda de 2030 da Organização das Nações Unidas (ONU), para os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da Instituição. A Almaroma está comprometida com quatro desses objetivos: erradicação da pobreza, educação de qualidade, trabalho e gente e crescimento econômico e redução de desigualdades. Entre o público-alvo, contemplam-se estudantes de ensino superior das áreas de saúde, engenharia, administração, economia, direito, gastronomia e tecnologia; familiares de pessoas com PcD; profissionais de saúde; empresas de tecnologia inclusivas; pessoas interessadas no tema. Os times deverão ser compostos por pelo menos um profissional de saúde, um familiar de pessoas com deficiência e um profissional de tecnologia e demais interessados. As equipes formadas terão mentoria de profissionais com expertise em PcD, tecnologia emergentes, impacto social, inovação e empreendedorismo. As vagas serão limitadas a 40 participantes, para formação de times de três a cinco pessoas.
As três melhores entregas serão premiadas e apresentadas durante o Futurecom 2018, sendo contemplados os três primeiros colocados (1º, 2º e 3º lugares). Os critérios de avaliação serão coerência com os desafios propostos, aplicabilidade/ solução factível, grau de inovação, grau de impacto social e replicabilidade. A banca avaliadora será formada por um representante da Informa Exhibitions, por um familiar de PcD, por um profissional de saúde e representantes de algumas entidades.

Serviço
Futurecom 2018 – 20 anos
Quando: 15 a 18 de outubro de 2018
Tours Guiados: de 16 a 18 de outubro (ponto de encontro ao lado do Press Center)
Onde: São Paulo Expo - Rodovia dos Imigrantes, km 1,5 - Vila Água Funda, São Paulo - SP
Informações: www.futurecom.com.br

Entradas populares de este blog

Qué es BPO ?

La final Boca-River dispara las búsquedas de vuelos a Dubai

Soft skills: habilidades blandas en las organizaciones