12 febrero 2016

Stefanini está presente em 11 dos 15 principais destinos listados pela A.T.Kearney para terceirização de serviços

 Resultado do Global Services Location Index (GSLI) reforça o posicionamento da Stefanini como uma empresa ágil e flexível para a oferta de nearshore e offshore
A Stefanini, uma das mais importantes provedoras globais de soluções de negócios baseadas em tecnologia e com presença em 37 países, atua em 11 dos 15 principais destinos apontados pela A.T. Kearney para a terceirização de serviços: Américas (Brasil, Chile, Estados Unidos e México), Ásia (Índia, China, Filipinas, Malásia e Tailândia) e Europa (Polônia e Romênia). 
Nesta sétima edição do Global Services Location Index (GSLI), ÍndiaChina e Malásia se mantiveram no topo (1º, 2º e 3º lugar, respectivamente) e com pequenas alterações em relação ao resultado anterior, divulgado em 2014. Os destaques foram Brasil e Chile, que avançaram quatro posições (do 8º para o 4º lugar e de 13º para 9º, respectivamente), além da Romênia, que pulou da 18ª para 13ª posição. Neste país europeu, a Stefanini conta com centros de delivery, que oferecem projetos de TI para diversos segmentos, especialmente farmacêutico e de manufatura, em vários países. 
“A Stefanini conta com uma equipe especializada, que oferece suporte para empresas de grande e médio porte por meio de serviços de TI gerenciados, seja no modelo onshore,nearshore ou offshore. Isso mostra o quanto somos ágeis e flexíveis para atender algumas das maiores empresas multinacionais do mundo”, afirma Marco Stefanini, CEO global do Grupo Stefanini, que conta com mais de 650 clientes ativos. 
A empresa fornece terceirização de infraestrutura de TI (help desk, serviços gerenciados de desktop e suporte à mobilidade), serviços gerenciados de aplicativos, consultoria ERP/SAP e soluções de gestão estratégica de TI. Nos Estados Unidos, por exemplo, a Stefanini possui vasta experiência no fornecimento de soluções nearshore, alavancando operações maduras de prestação de serviços no Brasil, México e em outros países da América Latina. O mesmo modelo é adotado na Europa via Romênia, onde a companhia estabeleceu um novo centro de serviços nearshore, capaz de proporcionar aos clientes a facilidade de integrar suas estruturas internas às equipes terceirizadas.
Automação 
De acordo com o estudo da A.T Kearney, a automação é uma tendência e poderá alterar os conceitos atuais de offshoring, bem como as lideranças dos destinos preferidos para a terceirização. Tudo indica que a Robotic Process Automation (RPA) continuará em expansão e influenciará a economia de serviços ao longo da próxima década, uma vez que as tarefas repetitivas, como as realizadas pelas equipes de  backoffice, são as mais fáceis de automatizar. 
O conceito Business Process as a Service (BPaaS) surge como uma tecnologia disruptiva, segundo o GLSI. Enquanto na RPA os robôs são ensinados a imitar o que os humanos fazem usando interfaces de usuário da própria empresa, no BPaaS os prestadores de serviços utilizam uma interface padronizada e realizam o processamento englobando múltiplos clientes — com diferentes graus de automação — para entregar resultados rapidamente, em qualquer escala. 
Para mais informações sobre o estudo, visite: On the Eve of Disruption.

Visão de futuro
Alinhada com essas tendências e reforçando o seu posicionamento de proporcionar aos clientes melhorias relevantes, aumento de produtividade e redução de custos, a Stefanini oferece os seguintes serviços de outsourcing:
ü  Application Management Services (AMS): serviços gerenciados de aplicações corporativas com o objetivo de garantir que o parque de aplicações críticas aos negócios esteja sempre disponível, dentro dos acordos de níveis de serviços estabelecidos, trazendo eficiência aos negócios e redução de custos.
ü  Application Development Services (ADS): serviços de desenvolvimento e/ou customização – sob medida – para as aplicações críticas Outsourcing com o objetivo de suportar e também inovar os negócios de cada cliente.
ü  Outsourcing de Infraestrutura (ITO): serviços gerenciados da infraestrutura tecnológica e comunicações com o objetivo de suportar as operações do dia a dia dos negócios de maneira eficiente e estável, dentro dos acordos de níveis de serviços estabelecidos, trazendo principalmente uma redução de custos.
ü  Business Process Outsourcing (BPO): gerenciamento de processos com metodologia própria e profissionais especializados em todo o mundo, desenvolvendo e entregando serviços dentro dos mais rígidos padrões de qualidade, conforme os Acordos de Nível de Serviço (SLA) e Indicadores e Performance (KPI).